12 de dezembro de 2019
                 
     
                         
Lázaro Freire, Acid0 e Lobão na MTV: Daime é droga ou religião?
Psicanálise Transdisciplinar em SP com Lázaro Freire
Seja um colaborador ativo da Voadores!
Cursos e palestras da Voadores em sua cidade
Mensagem de Wagner Borges
Mais novidades

 
  

Colunas

>> Colunistas > Benedicto Cohen (Bene)

Animais de Poder
Publicado em: 04 de setembro de 2006, 17:37:48  -  Lido 4593 vez(es)



>O que sao os animais de poder e o que representam?
>Eles geralmente se comunicam com a gente, ou somente mostram a sua presenca e isso ja e' o suficiente?

Bom, Animais de Poder são mais do que seres apenas "se mostrantes". Eles atuam como guardiões, emprestam força nas horas de perigo e são elos entre nós e o Poder.

Os atributos tradicionais do elefante como Animal de Poder são a força, a inteligência e a longevidade, mais a gentileza e a bondade de caráter. Por isso, como aliado, é um excelente auxiliar para dar força, conselhos e ajudar a manter a calma.

Mas para que vc entenda entenda melhor esse negócio de Poder, animais de poder, e o que fazer com tudo isso, estou postando um texto meu sobre o assunto, antigo, que eu já postei na Malkut, ou sei lá aonde, já não me lembro quando.

Vamos lá?

++++++
Animais de Poder / Poder Animal

Antes de sair correndo atrás do animal de poder, me parece lógico primeiro tentar entender o que é isto, para saber o que foi que nós encontramos, quando e caso o encontrarmos.

Bom, comecemos dizendo o que NÃO é um animal de poder:

Um animal de poder NÃO é um bichinho simpático que nos acompanha e nos auxilia em nossas aventuras, como costuma acontecer com todos os personagens humanos dos desenhos da Disney. Não é um outro artefato da moda esotérica para nossos bem-me-queres e mal-me-queres espirituais. Não é guia, anjo, nem amparador. E nem sempre é aquele animalzinho com o qual simpatizamos desde criança.

O animal de poder é outra coisa - é uma forma de manifestação do Poder.

Para a aproximação ao animal de poder precisamos, nós mesmos, de algo que poderíamos chamar de 'poder pessoal'.

Esse nosso 'poder pessoal' tem muito a ver com nosso lado primitivo e xamânico, que foi devidamente domado, subornado e castrado pela sociedade, ao longo das gerações. Mas ainda está dentro de nós, e muitas vezes é a parte mais autêntica e verdadeira que temos por trás de nossas obrigatórias máscaras. Em outros termos, poderíamos chamá-lo de nossa 'dignidade'. É também a necessária contrapartida do animal de poder.

Pois bem, esse poder pessoal primitivo, autônomo e autêntico, pode, através daquilo que se chama uma conduta impecável em relação à vida, ser canalizado para se afinar com as coisas, digamos, 'mágicas' do universo, genericamente chamadas de 'o Poder' com P maiúsculo.

Conduta impecável é agir sempre de acordo com o Caminho que vc escolheu conscientemente, seja qual for, sem se desviar dele. Esse tipo de conduta acumula poder. Uma conduta irregular dispersa o poder.

Nosso animal de poder, na verdade, sempre esteve dentro de nós. E é a chave para comunicação com um Poder mais alto.

Vc fala uma língua, o Poder fala outra. Para que os dois se entendam, é preciso uma interface comum aos dois. Assim, o Poder escolhe a forma mais adequada para se comunicar com vc - ou seja, ele assume uma forma que de algum modo tenha um equivalente ou encontre ressonância dentro de vc.

Então o animal de poder não muda, conforme aumenta nosso poder? Difícil e desnecessário, pois o Poder é um só. O animal é apenas a forma como o Poder se manifesta para nós. O que varia é o grau de Poder que podemos assimilar. E isto depende de nosso atual grau de dignidade.

Assim, uma pessoa pode ter uma mariposa fortíssima como animal de poder, e outra um leão super fraco. Mas a princípio, o importante é TER um animal de poder ativo, pois isto indica que conseguimos estabelecer contato com o Poder. O resto dependerá de outros esforços nossos.

Quando os antigos classificaram as propriedades dos animais de poder, estavam na verdade classificando comparativamente as pessoas, de acordo com a forma como o Poder se aproximaria melhor delas, e vice-versa. Estavam dando nome e corpo às existentes formas de aproximação ao Poder.

Eu mesmo já coloquei aqui na lista bonitos exercícios para encontrar o animal de poder. Claro que funcionam. Se nos abrirmos para eles, os animais de poder vêem até nós em sonhos, nas projeções, nas coincidências (afinal, eles já estão aí, mesmo)...

Mas talvez a forma mais certa de trazê-lo seja chamar por ele (pelo Poder) na hora da necessidade, e ter o prazer de conhecê-lo em nós, no meio da batalha. O animal virá depois. Mas isto só poderemos fazer vivendo com impecabilidade.

Enfim: O animal de poder é um extremo potencializador de nosso poder pessoal. Buscar e usar um animal de poder é ativar uma forma adequada para contatar e usar o Poder Universal. O animal de poder já está em nós. O Poder, quando se manifesta, apenas lhe dá a forma e vida necessárias para a comunicação.

Isto responde também aquela velha pergunta: mas pra que serve um animal de poder?
A resposta é: serve para vc ter acesso ao Poder, desde que vc mereça.

Mesmo assim, só vale a pena invocá-lo se pretendermos realmente usá-lo. Como acontece com a maioria das coisas, não adianta nada ter um (animal de) poder e não usar. Aliás, até atrapalha.

Bene


--
Benedicto Cohen (Bene)
beneluxbr@yahoo.com.br


Deixe seu comentário

Seu nome:
Seu e-mail:
Mensagem:

 
Atenção: Sua mensagem será enviada à lista Voadores, onde após passar pela análise dos moderadores poderá ser entregue a todos os assinantes da lista além de permanecer disponível para consulta on-line.































Voltar Topo Enviar por e-mail Imprimir